Encomenda do dia – Papelaria de maternidade

Numa semana florida com várias encomendinhas, hoje foi dia de finalizar a papelaria para a chegada do Otávio. A mamãe Letícia vai distribuir aos que forem visitá-los, águas com rótulos personalizados, docinhos deliciosos (tags Carolices) e um caixinha com brownie que vai levar uma tag também personalizada. A Letícia curte muito a estampa chevron (zig e zag), então utilizei a forma geométrica junto com poás, de um jeito bem alegre nas cores que a mamãe escolheu: azul e amarelo.

Se quiser conhecer mais o meu trabalho, no tema maternidade, acesse a minha loja no Elo7! Veja também o último post com trabalho Carolices – tema batman.

Boa hora pra ti, Letícia! Que venha com muia saúde e bênçãos de Deus, Otávio!

rótulo de água mineral

Rótulo de água

 

Leia mais

Netflix – séries imperdíveis para as mamães

netflix

Eu sou a louca das séries (Netflix é vida!) porque além de ter 2 turnos de trabalho, sempre assisto algum capítulo de alguma série. Muitas delas eu assisto para me distrair mesmo, outras eu tive a curiosidade de ver, de alguma forma achei que me enriqueceria como pessoa.

Minhas amigas à vezes me pedem indicações de alguma série pra assistir, sempre indico de vários gêneros. Pensando hoje que muitas delas enriquecem a nossa bagagem como mães, resolvi listar 2 que já assisti e 2 que ainda quero ver. Se alguém que também já viu e de alguma forma quer trocar figurinhas, se joga nos comentários.

JÁ ASSISTI:

o começo da vida

O Começo da Vida

Série documentário – 1 temporada (2016)

Vi esse documentário ano passado, gostei muito!

Baseada em avanços na tecnologia e na neurociência, esta série avalia como o ambiente afeta as crianças e como elas podem afetar o nosso futuro. Um retrato apaixonado e uma análise de vários especialistas sobre os primeiros mil dias de uma criança. Esse período é determinante para a formação e desenvolvimento saudável do ser humano. Aqui podemos ver depoimento de pais que dedicam cuidado, amor e carinho sem medida.

 

13 reasons why
Série 13 reasons why

13 Reasons Why 

Série EUA (2017) 1º Temporada – com possibilidade de uma próxima temporada

Quando soube dessa série, meio que repudiei abordarem esse assunto tão polêmico, até porque foi meio que um boom no meio dos jovens e praticamente quase toda mãe de adolescente me falou que seus filhos estavam assistindo, inclusive minha afilhada.

Fui assistir para entender o rebuliço, me assustei ao longo dos episódios em como o bullying praticado hoje é muito diferente do que na minha época, claro que tirando a parcela de dramatização que a série implica. Ao final da série, tem um episódio totalmente dedicado a explicar várias questões do bullying virtual, causa, consequências, como lidar, opinões de especialistas, etc. Achei super útil para uma futura mãe de adolescente que um dia serei. Terminei de ver tudo com uma opinião bem diferente da que começei. Sem contar que a trama (apesar de ter alguns deslizes) te prende e eu fiquei vidrada em ver o desenrolar da história. Super recomendo!

Enquanto todos na escola estão de luto pela morte de Hannah Baker, Clay recebe uma caixa com fitas gravadas por ela antes do seu suicídio.

 

 

QUERO VER!

atypical
Série atypical

Atypical

Série EUA (2017) – 1º Temporada

Essa está na minha lista de espera, em breve vou assistir.

Quando um adolescente com traços de autismo resolve arrumar uma namorada, sua busca por independência coloca a família toda em uma aventura de autodescoberta.

 

 

daughters of destiny
Série Daughters of destiny

Daughters of Destiny

Série EUA (2017) – 1º Temporada

Também está na fila de espera.

Em busca de um futuro melhor, cinco meninas de algumas das comunidades mais pobres da Índia estudam em um colégio interno criado para gerar oportunidades.

 

 

O mínimo para viver
Série O mínimo para viver

O Mínimo para Viver

Série independente (2017) – 1º temporada

Trata de um tema também delicado, a bulimia. Sempre bom estar informada, né?

Uma jovem de 20 anos sofrendo de anorexia embarca em uma emocionante jornada de autodescoberta em um grupo liderado por um médico pouco convencional.

Leia mais

Muskinha – Marcenaria Brincante

Sabe aquela empresa que você admira e se inspira na história dela? Foi assim que aconteceu quando conheci a Muskinha! Estava procurando um banco de madeira, para colocar pro meu filho utilizar no banheiro. Queria um modelo confiável, porque o banquinho que ele tem vive virando e derrubando ele no chão. Nas minhas pesquisas, me deparei com a loja virtual Muskinha – Marcenaria Brincante – do José e a Amanda. Fui ler a história de como o negócio surgiu e como é a proposta de unir os móveis com o lúdico, fiquei ainda mais encantada! Convido vocês a conhecer o trabalho incrível dos dois.

Na loja da marca tem camas-casinhas, caminhas no estilo montessori, cabanas, conjunto de mesas +cadeiras próprias para colorir, muita coisa bacana. Deu uma vontade enorme de redecorar o quarto do meu pequeno. Assim que chegar o banco-escadinha, posto pra vocês verem.

Muskinha - caminhas
Muitos modelinhos de cama montessori, com grades e sem grades.
Cama casinha com grades laterais e abertura frontal
Cabaninhas de madeira e tecido, criado mudo, prateleira em formato de nuvem.

Parabéns Muskinha, a proposta de vocês me encantou!

Leia mais

Cartas de amor em Paris

Crédito da foto: Blog Em cada página

Se tem uma coisa que me deixa animada é um livro novo. Dia com chuva então, um lugar aconchegante, com uma bebidinha quente e um livro nas mãos é um dos meus passatempos preferidos. Era, né? Depois que me tornei mãe, isso virou sonho. Não consigo mais ler em casa, então hoje em dia virei leitora de metrô. Sou dessas que encontra qualquer espacinho livre no metrô entupido, vou toda torta nos 30 minutos que tenho de deslocamento da minha estação ao trabalho. É o curto tempo que me encontro com a minha paixão. Já foram várias as vezes que passei da minha estação! rsrs

Um dos últimos livros que li foi um romance lindo, Cartas de amor de Paris de Samantha Vérant. Que livro encantador! Daqueles que você vive as emoções da autora, sente as angústias e fica torcendo muito pra um final feliz. Nesse caso era a história de amor da vida da autora mesmo, a história em sua maioria se passa em Paris, citando muitos pontos turísticos de uma parte que nunca tinha ouvido muito, toulouse. Viajei naquela cidade romântica, fantasiando com castelos, construções e as aventuras gastronômicas de Samantha. Curti mesmo e super recomendo!

Vinte anos depois do primeiro encontro, Samantha finalmente descobre o amor de sua vida… Aos 19 anos, Samantha Vérant conheceu o encantador Jean-Luc em uma curta viagem à França. Eles aproveitaram o clima romântico de Paris e, quando ela voltou para casa, ele escreveu sete lindas cartas de amor – que ela nunca respondeu. Vinte anos mais tarde, à beira de um divórcio e se perguntando em que ponto sua vida começou a dar errado, Samantha encontra as cartas de Jean-Luc. Ela então o procura na internet para enfim responder às cartas com um longo pedido de desculpas atrasado. Então rapidamente descobre que a conexão entre ambos continua tão forte quanto no dia em que ela o deixou sozinho em uma plataforma de trem em Paris. Samantha sabe que ir à França para reencontrar o homem com o qual dividiu apenas um dia ensolarado e cheio de paixão é loucura!

Leia mais

Toda mãe é mãe – Blog Mãezíssima

Eu leio muitos blogs de moda, de decoração e principalmente os blogs maternos. Me deparei hoje com um que eu não conhecia, mas que me encantou de certa forma, que é o blog Mãezíssima da Grace Barbosa , mãe da Julia e da Ester. Ela tem um espaço lindo, cheio de informações bacanas, mas o que me chamou a atenção foi a campanha Toda mãe é mãe.

Incrível como todas nós mães já tivemos ao longo do percurso desde a gravidez, algum comentário ácido sobre determinada escolha de qualquer assunto aleatório, geralmente começa pela escolha do parto. E como toda mãe, tem sua cabeça pensante, suas ideologias, jeito, credo e cor, nada mais interessante do que uma campanha que luta pela tolerância de diferentes opiniões e a união das mulheres, quando é esse assunto que está em pauta – a maternidade.

O que é a campanha? (Definição da Grace)

E se em vez de diferenças, encontrássemos o que nos une e nos torna Mãe? Se em vez de enxergar as diferenças entre uma alimentação vegetariana e outra que inclua carne, focássemos no carinho com que cada mãe alimenta seu filho? E se em vez de ver problemas na mãe que amamenta com fórmula ou peito, víssemos como amamentar pode ser um momento precioso entre mãe e bebê? E se em vez de questionar a mãe que usa tecnologia no momento de diversão com seu filho ou aquela que prefere materiais naturais, lembrássemos como é cada vez mais difícil encontrar tempo para estar com os filhos e parabenizássemos as duas por conseguirem se dedicar de forma tão atenciosa?

Se nós mães, num minuto de vulnerabilidade pararmos nossas guerras maternas, iremos encontrar muito mais pontos que nos unem do que aqueles que nos separam. Iremos encontrar mais coisas que nos aproximam do que situações que nos afastam. Depois de abaixarmos as armas, podemos encontrar no caminho do acolhimento o apoio que toda mãe precisa. Nessa guerra não existem vencedoras, saímos todas perdendo um ombro amigo, uma ajuda na hora do aperto, a possibilidade de uma grande amizade entre nossos filhos.

Porque antes das ideias que temos e defendemos sobre criação, alimentação e educação. Antes de termos essa ou aquela corrente como certa ou errada. Somos mães buscando acertar, buscando criar filhos saudáveis e felizes. Chegou a hora de reconhecer que TODA MÃE É MÃE!

Eu AMEI e vou tentar ajudar do meu jeito o amor e respeito à todas as mães. Junte-se a nós nessa campanha tão bacana!

Parabéns Grace, pela iniciativa e o amor em fazer essa campanha de união!!

Abaixo coloco algumas das imagens da campanha:

   

Leia mais